‘Polícia não precisa levar tiro pra reagir’, diz Moro

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

O ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, disse nesta terça-feira (2) que concorda com a posição de que o policial “não precisa esperar levar um tiro para reagir”.

Após palestra na maior feira de defesa e segurança da América Latina, a Laad 2019, Sérgio Moro mostrou desconhecimento sobre a estratégia governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, para aprimorar a segurança pública do Estado.

Segundo o Jornal de Brasília, o ministro da Justiça afirmou:

“Não estou familiarizado com essa questão, e precisaria entender melhor ao que o governador está se referindo. O fato é que um policial não precisa esperar levar um tiro de fuzil pra reagir, mas ter que ver as circunstâncias.”

Moro também disse que o combate a organizações criminosas no Rio de Janeiro é um grande desafio, e deve ser feito em conjunto junto com políticas sociais.

Além disso, Moro diz que vê pouca diferença entre milícias – geralmente organizadas em torno de ex-policiais ou policiais em atividade – e organizações criminosas que dominam o tráfico.

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.