Português   English   Español

Policiais de cidade no México presos por assassinato de político

Twitter
WhatsApp
Facebook
Google+
LinkedIn
Pinterest

A prisão da cidade mexicana de Ocampo tem uma peculiaridade: 30 policiais estão detidos por lá.

As autoridades federais do Estado de Michoacán mandaram prender os policiais municipais porque eles são os principais suspeitos do assassinato de um candidato a prefeito nas eleições gerais do próximo domingo.

Fernando Ángeles Juárez, de 64 anos, foi morto a tiros, por três homens armados, pouco antes das 8h na quinta-feira passada em frente a uma de suas propriedades. Ele é o terceiro político assassinado num intervalo de oito dias em Michoacán.

De acordo com informações da BBC:

Desde o início da temporada eleitoral mexicana, em setembro de 2017, mais de 100 políticos foram mortos.

De acordo com a Subsecretaria de Segurança Pública de Michoacán, o diretor da polícia local, Oscar González García, e os 29 oficiais que compunham as forças da ordem em Ocampo foram presos na madrugada deste domingo, 24. Os promotores acusam os policiais de terem ligações com o crime organizado no Estado.

No sábado, 23, agentes federais chegaram à cidade para prender González García, mas foram eles que acabaram na prisão: foram detidos por policiais locais.

Os policiais federais voltaram então com reforços no domingo de manhã e prenderam toda a força policial e seu chefe, que posteriormente foi transferido para interrogatório na capital do Estado, Morelia.

Twitter
WhatsApp
Facebook
Google+
LinkedIn
Pinterest

Deixe seu comentário

Veja também...