Português   English   Español

Político esquerdista, que acusou Trump de assédio, renuncia após mulheres denunciarem abusos sexuais

Mais um crítico ferrenho de Donald Trump desmascarado cometendo o mesmo crime com o qual acusava o Presidente.

Dan Schoen é um político democrata membro do Senado do Estado de Minnesota.

Durante a campanha presidencial de 2016, ele aproveitou a gritaria da grande mídia para acusar o futuro presidente Trump de violência sexual, mas o feitiço virou contra o feiticeiro.

Várias mulheres denunciaram comportamentos inapropriados de Schoen. As acusações incluem convites persistentes e indesejados para relações sexuais e um caso de abuso físico contra uma funcionária.

Outra jovem, que pediu para não ser identificada, disse que ele enviou uma foto da sua genitália via Snapchat.

Na segunda-feira (21), Dan Schoen não aguentou a pressão e enviou seu pedido de renúncia. A demissão será efetivada no dia 15 de dezembro de 2017.

 

Com informações de: (1)

Deixe seu comentário...

Veja também...

Newsletter Renova!

Preencha o formulário para assinar nossa newsletter.

Nome Email
newsletter