Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Polônia enfatiza papel do papa João Paulo II na queda dos comunistas

Polônia enfatiza papel do papa João Paulo II na queda dos comunistas
COMPARTILHE

Karol Wojtyla foi canonizado em 27 de abril de 2014 pelo Papa Francisco.

O governo da Polônia celebra, nesta segunda-feira (18), o centenário do nascimento do papa João Paulo II.

Em numerosas homenagens, missas, concertos e cerimônias, o papel do papa polonês na queda dos regimes comunistas na Europa Oriental recebeu um destaque especial.

Durante as celebrações, o embaixador da Alemanha na Polônia, Rolf Nikel, apresentou ao museu João Paulo II um fragmento do muro de Berlim.

Segundo a agência France-Presse, Nikel afirmou:

“Com este gesto, queremos agradecer à Polônia e a João Paulo II por sua contribuição à queda do Muro de Berlim.”

O primeiro-ministro polonês Mateusz Morawiecki classificou João Paulo II como um “compatriota magnífico” que “mudou o curso da história do mundo”:

“Graças a ele, graças ao Solidariedade [federação sindical liderada por Lech Walesa], o comunismo caiu e podemos construir uma Polônia livre ano após ano.”

Nascido em 18 de maio de 1920 e escolhido papa em 16 de outubro de 1978, Karol Wojtyla morreu no dia 2 de abril de 2005, no Vaticano.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Comentários_

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da RenovaMídia.

Ao comentar você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade.

Assinar
Notificar quando
guest
0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários