Polônia recusa aceitar refugiados de países muçulmanos

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

O primeiro-ministro, Mateus Morawiecki, disse que a Polônia recebeu muitos refugiados da Ucrânia, mas não vai mudar sua posição e aceitar migrantes de países muçulmanos.

A Comissão Europeia entrou com processo contra a Polônia, Hungria e República Checa no Tribunal Europeu devido à sua recusa em aceitar cota de refugiados imposta pela União Europeia.

O primeiro-ministro polonês disse que seu país não abrirá as portas para refugiados do Oriente Médio e do Norte da África.

No entanto, ele deixou claro que seu país está trabalhando para aliviar a tensão no flanco oriental do continente europeu e já recebeu centenas de milhares de refugiados da Ucrânia.

 

Com informações de: (1)

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.