Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

População cristã da China forçada a substituir imagens de Jesus por fotos do líder do Partido Comunista

Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia

Após ameaças de deixar de receber subsídios de combate à pobreza, milhares de chineses cederam à pressão das autoridades e retiraram imagens de caráter cristão de dentro das suas casas.

Cristãos chineses da cidade de Yugan, na província de Jiangsi, sudeste do país, receberam um ‘pedido’ incomum e preocupante das autoridades: trocar a imagem de Jesus Cristo pela do presidente Xi Jinping, líder comunista da China.

De acordo com informações do Hong Kong South China Morning Post (SCMP), estima-se que 10% da população em Yugan viva abaixo do nível da pobreza (menos de um dólar por dia), uma porcentagem que coincide com a do número de cristão na região.

“Muitos camponeses são ignorantes, creem que Deus é o seu salvador, mas depois do trabalho dos líderes perceberão os seus erros e verão que já não se devem apoiar em Jesus, mas sim no Partido Comunista”, destacou um dos líderes locais citado pelo SCMP.

Xi Jinping é o mais forte líder chinês das últimas décadas, uma posição consagrada durante o XIX Congresso do Partido Comunista Chinês, realizado no mês passado.

Com informações de: (1)

Compartilhe

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email