- PUBLICIDADE -

Por que o Partido Comunista da China censura filmes de fantasmas?

Por que o Partido Comunista da China censura filmes de fantasmas?
Imagem: AP Photo/Greg Baker

China busca garantir que os cidadãos conheçam apenas a versão da história autorizada pelo partido.

- PUBLICIDADE -

O Partido Comunista Chinês (PCCh) censura com frequência filmes, jornais, televisão e redes sociais.

Não é permitido no país qualquer forma de crítica contra a repressão imposta ao Tibete, a repressão vista na Praça da Paz Celestial e, obviamente, a censura que pratica.

De acordo com um relatório recente da PEN America intitulado “Produzido em Hollywood, Censurado por Pequim”, o PCCh censura tópicos que apontam o controle autoritário e a corrupção presente na China.

Na literatura chinesa e nas lendas populares, “fantasmas malignos” servem de metáfora para funcionários corruptos.

“Banir histórias de fantasmas parece quase absurdo e risível para o Ocidente, mas carrega o medo histórico e enraizado que o governo sente sobre seu próprio povo”, disse Aowen Jin, artista britânica nascida na China.

O remake da comédia “Caça-Fantasmas” de 2016, por exemplo, foi censurado na China. 

A obra foi vítima das restrições impostas pelo PCCh em 2008 a filmes que retratam “terror, fantasmas e o sobrenatural”.

PUBLICIDADE

- PUBLICIDADE -

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -