Português   English   Español

Posse de Bolsonaro aproximou Israel e Hungria

Posse de Bolsonaro aproximou Israel e Hungria

A visita do primeiro-ministro de Israel ao Brasil para prestigiar a posse de Bolsonaro serviu como ponte para a aproximação das relações do Estado judeu com a Hungria.

“Enquanto estava no Brasil, encontrei o premiê húngaro e expressei a minha estima por seu forte apoio em fóruns internacionais na Europa”, disse o líder israelense Benjamin Netanyahu, em mensagem publicada no Twitter na tarde desta quarta-feira (2).

Assim como Israel é constantemente criticado por nações europeias de viés globalista, o governo conservador da Hungria é alvo constante de medidas retaliatórias pelos burocratas da União Europeia.

“Nós também discutimos uma visita do Grupo Visegrado (Hungria, República Checa, Polônia e Eslováquia) a Israel”, completou Netanyahu.

O Grupo de Visegrado é uma aliança entre quatro nações da Europa Central para fins de cooperação que vem sendo duramente criticada pela UE nos últimos anos.

Tarciso Morais

Tarciso Morais

Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia

Assine nossa newsletter...

Inscreva seu e-mail para receber atualizações diárias com as últimas notícias do Brasil e do mundo.

Fique tranquilo(a), assim como você, odiamos spam :) Você poderá remover seu e-mail a qualquer momento.

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on google
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on email

Deixe seu comentário...

Veja também...