Prefeito de BH recua e libera cultos e missas

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Kalil afirmou que já entrou com um recurso para que a determinação seja revista.

Alexandre Kalil, prefeito de Belo Horizonte, afirmou, neste domingo (4), que vai cumprir a determinação do ministro do Superior Tribunal Federal (STF), Nunes Marques, que autorizou a realização de cultos e missas em igrejas.

Trata-se de um recuo de Kalil.

Ontem, 3 de abril, o prefeito afirmou que que “cultos e missas” estavam proibidos, pois o que valia era “o decreto da prefeitura”.

Em mensagem no Twitter, Kalil escreveu:

“Por mais que doa no coração de quem defende a vida, ordem judicial se cumpre. Já entramos com recurso e aguardamos a manifestação do Presidente do Supremo Tribunal Federal.”

Confira:

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.