- PUBLICIDADE -

Premiê da Armênia acusa militares de tentar dar um golpe de Estado

Premiê da Armênia acusa militares de tentar dar um golpe de Estado

Manifestantes saíram às ruas e devem voltar a protestar pela saída do primeiro-ministro.

- PUBLICIDADE -

Nikol Pashinyan, primeiro-ministro da Armênia, denunciou, nesta quinta-feira (25), uma tentativa de golpe militar contra seu governo.  

O Estado-Maior do Exército da Armênia pediu a renúncia de Pashinyan. 

O premiê respondeu convocando seus apoiadores para uma manifestação na capital, Yerevan.  

Em transmissão ao vivo, o premiê demitiu o chefe do Estado-Maior das Forças Armadas, o general Onik Gasparian, e disse que o substituto seria anunciado posteriormente. 

Pashinyan enfrenta protestos e apelos para sair do cargo por críticos que o acusam de ter tido uma gestão desastrosa do conflito entre forças étnicas armênias na região de Nagorno-Karabakh e o Azerbaijão no ano passado.

PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -