Preocupado com futuro da Itália, George Soros ataca Matteo Salvini

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

O bilionário húngaro-americano George Soros está devastado com a formação de governo da coalizão anti-globalista na Itália.

Na semana passada, o partido direitista Liga Norte e o populista Movimento 5 Estrelas entraram em acordo para formação de governo, derrotando uma audaciosa tentativa de instalar um tecnocrata a favor da União Europeia  como primeiro-ministro da Itália.

Deixando clara sua insatisfação e utilizando a mesma narrativa aplicada contra Donald Trump nos Estados Unidos, George Soros insinuou que o novo Ministro do Interior da Itália, Matteo Salvini, é financiado pela Rússia.

O bilionário Soros declarou:

Há uma estreita relação entre Matteo Salvini e Putin. Não sei se Putin efetivamente financia seu partido, essa é uma questão que a opinião pública italiana tem o direito de aprofundar. A opinião pública italiana tem o direito de saber se Salvini está sendo pago por Putin.

O magnata ainda acrescentou que Vladimir Putin quer “dominar a Europa para explorar sua capacidade produtiva” e que está “verdadeiramente preocupado” com a proximidade entre Salvini e o presidente da Rússia.

O direitista italiano Matteo Salvini rebateu as acusações:

Nunca recebi uma lira, um euro ou um rublo da Rússia. Acho que Putin é um dos melhores estadistas e me envergonho de que um especulador sem escrúpulos como Soros seja convidado para falar na Itália. Tenho uma ligação de estima com Putin. Ele fez muito por seu povo e com intervenções contra o terrorismo islâmico, como na Síria. E digo isso gratuitamente, é o que penso. A economia italiana só teria a ganhar com boas relações com a Rússia.

 

Com informações do BOL

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.