- PUBLICIDADE -

Presidente da Câmara alerta contra ‘ditadura do Ministério Público’

Saímos da ditadura militar para a ditadura Ministério Público, diz Lira.

- PUBLICIDADE -

O presidente da Câmara, deputado Arthur Lira (PP-AL), teceu diversas críticas, nesta quinta-feira (18), à Lava Jato e à atuação do Ministério Público.

Em transmissão realizada pelo site ConJur, Lira declarou:

“Penso que saímos de uma ditadura militar para uma ditadura do Ministério Público. Isso precisa ser revisto urgentemente para que ele continue cumprindo seu papel constitucional de defesa do cidadão.”

O deputado citou nominalmente Deltan Dallagnol, procurador que coordenou a Lava Jato em Curitiba

Lira disse que, se fosse possível usar provas obtidas ilegalmente para condenar alguém, não saberia dizer “o tamanho da pena” que o procurador deveria cumprir.

PUBLICIDADE

- PUBLICIDADE -

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -