- PUBLICIDADE -

Presidente da Suprema Corte do Peru renuncia após escândalo

- PUBLICIDADE -

O presidente do Poder Judiciário do Peru, Duberlí Rodríguez, renunciou ao cargo por meio de uma carta dirigida ao juiz-chefe da Suprema Corte de Justiça, em meio a grave crise decorrente de escândalos de corrupção.

Em carta, Duberlí Rodríguez explicou a renúncia:

Dada a crise institucional pela qual o Poder Judiciário está passando, eu apresento a minha renúncia irrevogável ao cargo de Presidente do Judiciário.

Ele acrescentou que “as razões para sua decisão” irão explicá-las em maior detalhe em uma sessão extraordinária na Câmara Plenária do Supremo Tribunal de Justiça.

O sistema judicial peruano foi abalado por um grave escândalo desde a semana passada.

Uma série de investigações jornalísticas, baseadas em interceptações telefônicas, revelou diversos acordos de juízes, membros do Conselho Nacional da Magistratura, políticos e empresários, que negociaram favores políticos.

 

Com informações de Sputnik Brasil
PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -