- PUBLICIDADE -

Presidente do Senado diz que decisão de Barroso foi ‘equivocada’

Foto: Reprodução/Agência Senado
- PUBLICIDADE -

“Absolutamente inapropriado para este momento da nação”, diz Pacheco.

O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), afirmou, nesta quinta-feira (8), que vai instalar a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Pandemia.

A criação da CPI foi determinada pelo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Luís Roberto Barroso.

Pacheco avaliou, no entanto, que a decisão foi “equivocada”:

“Eu considero que é uma decisão equivocada, que invoca precedentes inadequados para o momento do país. O Brasil hoje está num momento de absoluta excepcionalidade, talvez a maior da nossa história, não da nossa geração, mas da nossa história de brasileiros. Então, isso foi desconsiderado pela decisão.”

O senador disse ainda que a comissão poderá ser usada como “palanque político” para as eleições de 2022:

“A CPI poderá ser um papel de antecipação de discussão político-eleitoral de 2022, de palanque político, que é absolutamente inapropriado para este momento da nação.”

PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -