Português   English   Español

Oposição pede renúncia após Congresso confirmar que presidente do Peru recebeu dinheiro da Odebrecht

Comissão do Congresso que investiga o caso Odebrecht tê-lo acusado de receber diretamente US$ 782 mil da empreiteira.

Segundo a presidente da comissão, Rosa Baltra, os valores foram enviados entre 2004 e 2007 à Westfield Capital, que aparece na declaração de renda do presidente Pedro Pablo Kuczynski.

 Ele já era suspeito de receber US$ 4,4 milhões por serviços de consultoria à empresa brasileira entre 2004 e 2013, mas no caso revelado nesta quarta (13), o dinheiro foi transferido a uma companhia da qual foi acionista até 2007.
Outro agravante à situação é que, entre 2004 e 2006, ele era ministro de Alejandro Toledo. O ex-presidente, que está nos EUA, teve a extradição pedida pela Justiça para que ele seja preso por receber US$ 20 milhões da Odebrecht.

O levante opositor pode tornar insustentável a permanência do presidente, cujo partido – Peruanos pela Mudança – tem 18 das 130 cadeiras. Em 2016, Kuczynski foi eleito com uma diferença de 42.597 votos para Keiko Fujimori.

Com informações de: (1)
Tarciso Morais

Tarciso Morais

Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia

Assine nossa newsletter...

Inscreva seu e-mail para receber atualizações diárias com as últimas notícias do Brasil e do mundo.

Fique tranquilo(a), assim como você, odiamos spam :) Você poderá remover seu e-mail a qualquer momento.

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on google
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on email

Deixe seu comentário...

Veja também...