Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
- PUBLICIDADE -

Príncipe Andrew pode ser testemunha no escândalo Epstein

Tarciso Morais

Tarciso Morais

Príncipe Andrew pode ser testemunha no escândalo Epstein
COMPARTILHE

Andrew está sendo pressionado para depor como testemunha sobre o que sabia a respeito dos crimes de Epstein.

O príncipe Andrew, do Reino Unido, está sob pressão dos advogados das vítimas de Jeffrey Epstein para depor como testemunha sobre os crimes de pedofilia cometidos por seu falecido amigo norte-americano.

Depois de ter sido obrigado a anunciar na quarta-feira (20) que se aposenta das funções oficiais na monarquia britânica, o príncipe agora está sendo pressionado para contar o que sabia sobre atividades do empresário. 

Epstein foi encontrado morto em sua cela em agosto, após ter sido acusado de exploração sexual de menores de idade. Apesar da autópsia oficial ter apontado suicídio como a causa da morte, novas informações apontam incoerências na narrativa oficial.

“Acreditamos que ninguém está acima da lei e que toda pessoa deve responder a perguntas, se tiver informações pertinentes. E, claramente, ele [o príncipe Andrew] tem informações relevantes”, declarou a advogada Lisa Bloom.

Gloria Allred, outra advogada, afirmou que o príncipe deveria entrar em contato, “sem condições e sem demora”, com as autoridades dos Estados Unidos, antes mesmo de uma possível convocação, informa o jornal Correio Braziliense.

- PUBLICIDADE -
Error: Embedded data could not be displayed.
TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
VEJA TAMBÉM
Error: Embedded data could not be displayed.