Português   English   Español

Prisão de filha do fundador da Huawei ameaça trégua entre EUA e China

A filha do fundador da gigante chinesa de tecnologia Huawei foi detida no Canadá e pode ser extraditada para os Estados Unidos.

A detenção é um forte golpe às esperanças de amenizar as tensões comerciais entre Estados Unidos e China, abalando os mercados financeiros globais.

A prisão de Meng Wanzhou, que também é vice-presidente financeira da Huawei Technologies, lança novas dúvidas sobre a trégua de 90 dias firmada entre os presidentes Donald Trump e Xi Jinping no sábado.

A prisão está relacionada à violação de sanções norte-americanas, disse uma pessoa com conhecimento do assunto, segundo a agência “Reuters“.

Meng, uma das vice-presidentes do conselho da companhia e filha do fundador da empresa, Ren Zhengfei, foi presa no dia 1º de dezembro a pedido de autoridades norte-americanas e deve comparecer a audiência na sexta-feira, afirmou porta-voz do Departamento de Justiça do Canadá.

 

Deixe seu comentário...

Veja também...

Newsletter Renova!

Preencha o formulário para assinar nossa newsletter.

Nome Email
newsletter