Português   English   Español
Português   English   Español

Prisão perpétua para terrorista que matou cinco pessoas na Suécia

Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia

Um extremista islâmico do Uzbequistão, que matou cinco pessoas com um caminhão em 7 de abril de 2017 em Estocolmo, foi condenado nesta quinta-feira (7) a prisão perpétua por terrorismo.

Rajmat Akilov, de 40 anos, que foi preso algumas horas depois do crime, declarou durante o julgamento que foi autorizado por autoridades do Estado Islâmico (EI) no Iraque e na Síria para realizar uma operação suicida em Estocolmo.

No entanto, fugindo do padrão, o grupo jihadista EI nunca reivindicou a responsabilidade pelo ataque, que matou três mulheres suecas, uma delas criança, um britânico e um belga.

De acordo com informações do BOL:

Akilov foi condenado por cinco homicídios de natureza terrorista e 119 tentativas de homicídio dos transeuntes que estavam na mais movimentada rua de pedestres da cidade.

Dez pessoas ficaram feridas durante o ataque, que durou 40 segundos.

O tribunal especial na capital, que acompanhou o pedido do Ministério Público, também determinou que Akilov terá de ser deportado quando deixar a prisão e não poderá voltar ao país.

Na prática, os condenados à prisão perpétua na Suécia geralmente cumprem uma média de 16 anos de prisão.

Compartilhe_

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email

Comentários_

A RENOVA Mídia não se responsabiliza pelo conteúdo, opiniões e comentários dos visitantes do site. NÃO publique ofensas, discordar não é ofender. Caso encontre algum material com ofensas, denuncie. Lembre-se que ao comentar em nosso portal você concorda com estes Termos de Uso.

Outras Notícias_

Newsletter

Inscreva seu email na RENOVA para receber atualizações diárias com as últimas notícias do Brasil e do mundo.

Nome:

Email: