Português   English   Español

Procurador diz que alunos gravando professores é ‘louvável’

Mais-professor

O procurador Fábio Moraes de Aragão determinou o arquivamento de representação contra Bolsonaro pelo vídeo em que o presidente eleito.

O presidente eleito Jair Bolsonaro havia sido alvo de uma representação judicial por vídeo onde incentiva os alunos a gravarem seus professores, com objetivo de denunciar tentativas de doutrinação nas escolas.

Para o procurador Fábio Moraes de Aragão, não há crime na conduta de Bolsonaro.

Ao contrário, diz ele:

É louvável que alunos gravem as aulas ministradas por seus professores, quer seja para fins de revisão da matéria, quer seja para constituir prova na eventual hipótese de ilícitos perpetrados em sala de aula.

Confira:

Adaptado da fonte O Antagonista

Deixe seu comentário

Veja também...