Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Procuradores dos EUA abrem investigação contra o Google

Tarciso Morais

Tarciso Morais

Procuradores dos EUA abrem investigação contra o Google
COMPARTILHE

A medida contra o Google acontece após outra investigação contra o Facebook, anunciada na semana passada.

Procuradores dos Estados Unidos anunciaram, nesta segunda-feira (9), a abertura de uma investigação preliminar contra as práticas comerciais do Google, que domina a publicidade na internet.

Os cerca de 50 procuradores-gerais pedem para que a gigante tecnológica seja investigada por abuso de poder no meio digital às custas de seus concorrentes e consumidores.

Descrita como uma investigação preliminar das ações do Google em publicidade online, a medida destaca as crescentes queixas sobre o domínio das chamadas grandes empresas de tecnologia.

Na investigação apoiada por 48 estados, apenas com a ausência da Califórnia e do Alabama, as autoridades se abstiveram de solicitar medidas específicas, como a fragmentação do Google, que alguns críticos haviam pedido.

As ações antitruste acontecem em um contexto de menor confiança nas grandes empresas online, com multas impostas ao Facebook e ao Google por violações à privacidade, informa a agência AFP.

- PUBLICIDADE -
TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
VEJA TAMBÉM