Procuradores entram na campanha pelo voto aberto no Senado e na Câmara

Português   English   Español
Procuradores entram na campanha pelo voto aberto no Senado e na Câmara
TARCISO MORAIS
TARCISO MORAIS
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia

Procuradores federais estão trabalhando ativamente nas redes sociais para impedir que as futuras lideranças do Congresso Nacional atrapalhem a luta contra a corrupção.

Apesar de ser o foco das críticas do senador Renan Calheiros, o procurador federal Deltan Dallagnol não é o único na batalha pelo voto aberto nas eleições para presidência da Câmara e do Senado.

O procurador Júlio Marcelo de Oliveira também entrou nesta campanha nos últimos dias.

Em desabafo pela rede social Twitter, ele declarou:

E acrescentou:

Deltan Dallagnol e Julio M. Oliveira não estão sozinhos nesta empreitada.

Além das mais de 730 mil assinaturas na petição no site “Change.org“, procurador Roberto Pozzobon, também da Operação Lava Jato, está trabalhando ativamente em prol do voto aberto.

Nesta quarta-feira (16), o senador Renan Calheiros, que precisa do voto fechado para ser eleito presidente do Senado, prometeu acionar o procurador Dallagnol no Conselho do Ministério Público, conforme noticiou a RENOVA.

SIGA A RENOVA

Compartilhe...

Share on whatsapp
Share on google
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on email

Deixe seu comentário...

Veja também...