Procuradoria do DF ratifica denúncia da Lava Jato contra Lula

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Procurador pede que Justiça receba novamente denúncia anulada pela suspeição de Moro.

Frederico Paiva, procurador da República do Distrito Federal, ratificou à Justiça a denúncia contra o ex-presidente Lula da Silva (PT).

A decisão foi tomada na ação penal por supostas propinas pagas pela Odebrecht, alvo da operação “Lava Jato”, ao petista.

O ex-ministro Antônio Palocci, o empresário Marcelo Odebrecht e outros também foram denunciados. 

A acusação foi anulada pelo ministro do STF, Gilmar Mendes, em junho, em função da suspeição do ex-juiz Sergio Moro, no caso de repasses ao Instituto Lula.

Segundo o portal R7, no despacho, assinado no dia 29 de julho, Paiva pede que a denúncia seja recebida e que a petição que anulou o processo seja excluída até o início da tramitação processual. 

Para pedir a ratificação, ele alega a maior parte dos atos do processo foi feita pela juíza substituta Gabriela Hardt, que não foi considerada suspeita: 

“A maior parte dos atos processuais instrutórios foi realizada pela Juíza Gabriela Hardt, não se cogitando falar em nulidade de atos praticados por Juíza que não foi declarada suspeita.”

O procurador diz ainda que a nulidade dos atos judiciais não pode se estender ao órgão que acusa, o MPF

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.