Português   English   Español

Loja de produtos judaicos incendiada em Paris

kosher

Uma loja kosher em Créteil, sudeste de Paris, que já havia sido pichada com cruzes suásticas há alguns dias, foi incendiada na noite de segunda-feira (08/01).

O incêndio teria deixado danos importantes, segundo a procuradora de de Créteil, Laure Beccuau.

“Privilegiamos a pista criminosa”, afirmou.

A situação está cada dia mais complicada para os judeus vivendo na França. Semanas atrás, publicamos uma matéria sobre a maré crescente de antissemitismo na capital Paris.

Este incêndio acontece exatamente três anos depois do ataque jihadista contra um supermercado kosher nos subúrbios de Paris, em que morreram quatro pessoas.

O presidente francês Emmanuel Macron prestou no domingo (07/01) uma homenagem às vítimas desse ataque e as do atentado contra a revista Charlie Hebdo, realizado dois dias antes.

Em 7 de janeiro de 2015, os irmãos Said e Sherif Kuachi matarom onze pessoas na redação da revista.

Dois dias depois, outro jihadista, Amédy Coulibaly, matou três clientes e um funcionário judeu no supermercado de comidas kosher.

 

Com informações de: (1)

Deixe seu comentário

Veja também...