- PUBLICIDADE -

Professores cantam hino comunista e gritam ‘Lula Livre’ em congresso no Pará

Professores cantam hino comunista e gritam 'Lula Livre' em congresso no Pará

- PUBLICIDADE -

O episódio aconteceu no 38º Congresso do Andes-SN (Associação Nacional dos Docentes das Instituições de Ensino Superior), em Belém, no Pará, nesta segunda-feira (28).

Com o famoso gesto de punhos cerrados no ar, professores universitários cantam a “Internacional”, hino entoado por movimentos comunistas, socialistas e anarquistas, e que foi adotado como canção da União Soviética.

Ao fim da apresentação do saxofonista Marcos Cardoso, da escola de música da UFPA, os docentes gritam “Lula Livre!”, repetidas vezes.

Confira um vídeo do evento compartilhado nas redes sociais:

Um documento divulgado pelo site da Andes, no fim de 2018, já deixava claro a orientação das ações do Sindicato Nacional para o evento no ano de 2019:

“Resistir ao governo Bolsonaro, em defesa da democracia e dos direitos: abaixo a contrarreforma da previdência! Lula Livre!

Centrar na reorganização da classe e no embate, certamente de resistência, à onda de orientação fascista que irá ocupar o Estado”.

Segundo o jornal “Gazeta do Povo“, a Andes também convocou os docentes a uma “campanha urgente contra a direita, através da proliferação dos comitês de luta contra o golpe e contra os fascistas, levantando a bandeira da liberdade para Lula”,

PUBLICIDADE

- PUBLICIDADE -

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -