PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Projeto de nova Constituição cubana confirma comunismo como meta

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

A ditadura de Cuba aprovou neste sábado (22) o projeto da nova Constituição, que reconhece o papel do mercado e da propriedade privada, sem renunciar ao comunismo como meta.

O texto foi aprovado numa sessão da Assembleia Nacional que não teve presença da imprensa internacional e foi transmitida com atraso de duas horas aos cubanos, registra o “Estadão”.

A votação do projeto de Constituição teve a presença do ditador Miguel Díaz-Canel e do ex-ditador Raúl Castro, que ainda comanda o Partido Comunista (PCC).

O texto recoloca como objetivo o comunismo, termo que havia sido eliminado do projeto inicial, e confirma o Partido Comunista como “força política” dirigente.

Não há menção direta ao casamento homossexual no texto de 229 artigos, que será levado a um referendo em 24 de fevereiro, conforme noticiou a RENOVA.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Encontrou um erro?

Para comunicar um erro de português, de informação ou técnico, preencha o formulário abaixo.