Português   English   Español
Português   English   Español

Promotoria diz que vítimas de João de Deus tinham de 9 a 67 anos

Promotoria diz que vítimas de João de Deus tinham de 9 a 67 anos
Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia.

O Ministério Público (MP) de São Paulo enviou 47 depoimentos à força-tarefa da Promotoria de Goiás de mulheres que relataram ter sofrido abusos sexuais do médium João Teixeira de Faria, o João de Deus, 67 anos.

Em depoimento ao MP, todas as mulheres afirmaram que os casos ocorreram na Casa de D. Inácio de Loyola, o centro de atendimento construído por João de Deus, na cidade de Abadiânia, em Goiás.

Segundo a Promotoria, os relatos envolvem vítimas que, na época dos fatos, tinham entre 9 e 67 anos. Em 112 desses 255 casos, acrescenta o MP-GO, os crimes já teriam prescrito.

Preso desde domingo, o médium nega as acusações de abuso e aguarda o julgamento de um pedido de habeas corpus pelo STF, registra o “Buzzfeed“.

Compartilhe...

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on reddit

Deixe seu comentário...

A RENOVA Mídia não se responsabiliza pelo conteúdo, opiniões e comentários dos visitantes do site. NÃO publique ofensas, discordar não é ofender. Caso encontre algum material com ofensas, denuncie. Lembre-se que ao comentar em nosso portal você concorda com estes Termos de Uso.

Veja também...

Curta a RENOVA!