Português   English   Español

Propina da JBS era repassada em caixas de sabão

Propina da JBS era repassada em caixas de sabão

Esquema envolvia os empresários Joesley Batista e Ricardo Saud, além do vice-governador de Minas Gerais, Antônio Andrade (MDB).

O esquema investigado pela Operação Capitu, que prendeu nesta sexta-feira (9) os empresários Joesley Batista e Ricardo Saud, e o vice-governador de Minas Gerais, Antônio Andrade (MDB), fez entregas de dinheiro “em caixas de sabão e malas”.

Também são alvos pessoas que atuavam na Câmara e no Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa).

Segundo a força-tarefa da Polícia Federal, Receita e Procuradoria, uma das maiores redes de supermercados do País também teria integrado a engrenagem de lavagem de dinheiro oriundo do esquema, repassando aos destinatários finais os valores ilícitos em dinheiro vivo e em contribuições “oficiais” de campanha.

“(Entrega de dinheiro) em caixas, em mala, caixa de sabão. Os supermercadistas trabalham com muito dinheiro em espécie, isso facilita por demais esse tipo de operação, porque eles recebem naquele varejo que eles vendem e com isso, em tese, perder o rastro desse dinheiro se não fossem boas investigações”, afirmou um dos integrantes da operação.

 

Adaptado da fonte O POVO

Tarciso Morais

Tarciso Morais

Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia

Deixe seu comentário

Veja também...