Português   English   Español

Protestos de estudantes contra Macron ganham tração na França

Protestos estudantis na França se intensificaram nesta terça-feira (4) com vários incidentes relatados em todo o país. Prédios foram incendiados e confrontos violentos com a polícia registrados.

Ao longo desta semana, os estudantes começaram gradualmente a envolver-se nos chamados protestos dos “coletes amarelos” contra o presidente Emmanuel Macron.

Autoridades locais disseram à agência Reuters que parte da escola de Saint-Exupéry, em Blagnac, perto de Toulouse, no sudoeste da França, foi incendiada na terça-feira (4).

Houve também confrontos em Lyon, Marselha, Bordeaux e na cidade de Orleans, enquanto as escolas foram bloqueadas em Creteil e Versalhes, perto de Paris.

Mais cedo nesta terça-feira, o primeiro-ministro da França suspendeu os planos de aumentar os impostos por pelo menos seis meses em resposta a semanas de protestos violentos, conforme noticiou a Renova.

Deixe seu comentário...

Veja também...

Newsletter Renova!

Preencha o formulário para assinar nossa newsletter.

Nome Email
newsletter