Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Protestos violentos na capital do Chile durante lockdown

Protestos violentos na capital do Chile durante lockdown
COMPARTILHE

Chile já registrou mais de 46 mil casos de coronavírus e mais de 400 mortes pela doença.

O governo do Chile decretou quarentena obrigatória em 38 distritos da região metropolitana da capital Santiago para tentar conter a proliferação do coronavírus.

No terceiro dia de lockdown em Santiago, vários pontos da cidade registraram protestos e choques entre manifestantes e a polícia nesta segunda-feira (18).

No distrito de El Bosque, um dos mais pobres da capital chilena, houve confrontos entre a polícia e moradores que protestavam contra a falta de alimentos e trabalho.

As forças de segurança precisaram usar gás lacrimogêneo e jatos d’água para dispersar a multidão. Oito pessoas foram detidas no local.

Outras áreas da capital se uniram aos protestos contra a resposta do governo à pandemia. Moradores de Villa Francia colocaram barricadas nas ruas e atearam fogo a um ônibus, destaca o jornal Gazeta do Povo.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Comentários_

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da RenovaMídia.

Ao comentar você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade.

Assinar
Notificar quando
guest
0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários