Português   English   Español

PSDB ignora comunismo e culpa militares por crise na Venezuela

Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia.

Em vídeo divulgado pelo perfil oficial do partido no Twitter nesta terça-feira (4), os tucanos tentaram conectar a irremediável crise na Venezuela aos militares, em mais uma tentativa de atacar Jair Bolsonaro (PSL).


De acordo com o vídeo, o militar Hugo Chávez foi eleito presidente da Venezuela para “pôr ordem no país, em meio à maior crise de sua história”, mas acabou piorando a situação.

https://twitter.com/Rede45/status/1036994329242464256

“Votar em alguém só porque é militar deu ruim na Venezuela”, diz o vídeo para então mostrar uma foto de Jair Bolsonaro (PSL).

Para a campanha de Geraldo Alckmin, os principais culpados pelo colapso do país sul-americano foram os militares. Em nenhum momento a produção apontou os malefícios causados pela agenda socialista imposta por Chávez e, posteriormente, por Nicolás Maduro.

Até o próprio ditador da Venezuela já admitiu que as suas políticas socialistas foram responsáveis por gerar a dramática situação que vive o povo venezuelano.

“Os modelos produtivos que até agora temos testado fracassaram, e a responsabilidade é nossa, é minha, é sua”, afirmou Maduro no congresso do Partido Socialista Unido da Venezuela, no dia 30 de julho.

O candidato do PSL ao Planalto, Jair Bolsonaro, rebateu o vídeo divulgado pelo PSDB em um postagem na sua conta oficial no Twitter.

Curta e compartilhe...

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on reddit
Share on vk

Deixe seu comentário...

A RENOVA Mídia não se responsabiliza pelo conteúdo, opiniões e comentários dos visitantes do site. NÃO publique ofensas, discordar não é ofender. Caso encontre algum material com ofensas, denuncie. Lembre-se que ao comentar em nosso portal você concorda com estes Termos de Uso.

Veja também...