Português   English   Español

PSDB quer investigar tucanos que traíram Doria na eleição em SP

Os tucanos Alberto Goldman e Paulo Barbosa, prefeito de Santos, são acusados de apoiar outros candidatos para o governo.

PSDB de São Paulo pediu nesta quarta-feira (21) ao presidente nacional da legenda, Geraldo Alckmin , que apure um caso de traição contra o governador eleito João Doria durante a eleição estadual.

O alvo do pedido é o prefeito de Santos, Paulo Alexandre Barbosa. Ele manifestou apoio público ao adversário de Doria, Márcio França (PSB), no segundo turno da disputa.

Ele não é o único caso de traição a Doria que chegou após a eleição na direção nacional do PSDB.

Na semana passada, o diretório municipal da capital paulista remeteu ao partido em Brasília o caso da expulsão do ex-governador Alberto Goldman.

Ele foi expulso pela direção municipal do PSDB em outubro acusado de fazer campanha para Paulo Skaf (MDB) no primeiro turno da eleição para o governo de São Paulo, mas a medida foi desautorizada pela instância nacional do PSDB, já que Goldman também é integrante da direção nacional da sigla.

O Conselho de Ética do PSDB, que é o responsável pela análise desses casos, não tem reunião agendada, por enquanto, para apurar as acusações contra os dois filiados.

 

Adaptado da fonte O Globo

Deixe seu comentário...

Veja também...

Newsletter Renova!

Preencha o formulário para assinar nossa newsletter.

Nome Email
newsletter