PT entra na Justiça contra vinheta patriótica do SBT

Idiomas:

Português   English   Español
PT entra na Justiça contra vinheta patriótica do SBT
Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia.

PT aciona PGR contra propaganda do SBT que retoma slogan da ditadura militar.


Deputados do PT entraram com representação na Procuradoria-Geral da República contra o SBT que veiculou vinhetas patrióticas.

Em uma das inserções na programação televisa da emissora, o bordão “Brasil, ame-o ou deixe-o” foi utilizado. A frase foi um dos principais slogans do período em que o País viveu sob regime militar.

A denúncia foi feita pelos parlamentares petistas Paulo Pimenta (RS), Paulo Teixeira (SP) e Wadih Damous (RJ).

Eles pedem à procuradora-geral da República, Raquel Dodge, a suspensão da propaganda e a vedação de nova veiculação semelhante, além de apurar a responsabilidade civil, administrativa e criminal do SBT.

Os deputados do PT também afirmam que o SBT deu “vazão ao discurso de ódio” por Jair Bolsonaro.

Um trecho do texto da representação afirma:

A propaganda veiculada dissemina ainda mais o ódio que vem sendo destilado contra adversários e minorias pelo grupo político vitorioso nas eleições presidenciais.

E acrescenta:

[E tenta] promover retrógrados valores ‘patrióticos’ que vigiam no regime militar, como se a prática de tortura, perseguição de adversários, constrição de liberdades civis e políticas fossem valores a serem cultuados nessa nova fase a ser vivenciada pela sociedade brasileira.

O empresário Silvio Santos, dono do SBT, foi alvo de dezenas de ameaças nas redes sociais desde que as vinhetas foram divulgadas, conforme noticiou a Renova Mídia.

Adaptado da fonte JOTA

Curta e compartilhe...

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on reddit
Share on vk

Deixe seu comentário...

A RENOVA Mídia não se responsabiliza pelo conteúdo, opiniões e comentários dos visitantes do site. NÃO publique ofensas, discordar não é ofender. Caso encontre algum material com ofensas, denuncie. Lembre-se que ao comentar em nosso portal você concorda com estes Termos de Uso.

Veja também...