Português   English   Español

PT quer inelegibilidade de Bolsonaro por causa de outdoors

PT quer inelegibilidade de Bolsonaro por causa de outdoors

Partido dos Trabalhadores (PT) pediu inelegibilidade de Bolsonaro e Mourão por abuso de poder econômico.

O candidato do PT à Presidência, Fernando Haddad, pediu nesta quarta-feira (17) ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) que declare a inelegibilidade dos seus adversários, o candidato Jair Bolsonaro (PSL) e seu vice, General Hamilton Mourão (PRTB), por abuso de poder econômico.

A campanha de Haddad alega que a distribuição ilegal de outdoors em apoio a Bolsonaro compromete o processo eleitoral.

O pedido caiu para relatoria do ministro Jorge Mussi, corregedor geral Eleitoral. Ele decidirá sobre a abertura ou não da ação.

O PT alega que um levantamento da Procuradoria Geral Eleitoral, feito a partir de um pedido do partido, mostra que há outdoors com padrões e mensagens semelhantes de apoio ao candidato do PSL em 33 municípios, distribuídos em 13 estados brasileiros.

Em mais uma exibição de hipocrisia do PT, a legenda, que já gastou mais de 30 milhões de reais na campanha presidencial, acusa o adversário de abuso do poder econômico. Bolsonaro confirmou gastos de apenas 334 mil reais durante todo o período eleitoral, conforme noticiado pela Renova Mídia.

Adaptado da fonte Gazeta do Povo

Tarciso Morais

Tarciso Morais

Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia

Deixe seu comentário

Veja também...