Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Putin critica excessos do Ocidente na defesa da fluidez de gênero

Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia

Segundo o chefe do Kremlin, as ideias liberais foram rejeitadas pela maioria das pessoas dos países ocidentais.

Em uma entrevista publicada na quinta-feira (27), o presidente da Rússia, Vladimir Putin, disse que os valores liberais estão obsoletos.

Putin afirmou ao jornal Financial Times que a chanceler da Alemanha, Angela Merkel, havia cometido um erro fundamental ao adotar uma política liberal para imigração do Oriente Médio:

“A ideia liberal pressupõe que nada precisa ser feito. Os imigrantes podem matar, roubar e estuprar com impunidade por que seus direitos como imigrantes devem ser protegidos. Que direitos são esses? Todo crime deve ter sua punição.”

O presidente da Rússia acrescentou:

“Então a ideia liberal se tornou obsoleta. Ela está em conflito com os interesse de uma maioria esmagadora da população.”

Putin disse que a Rússia não é homofóbica, mas que a disposição do Ocidente em abraçar a homossexualidade e a fluidez de gênero lhe parece excessiva.

O chefe do Kremlin explicou:

“Valores tradicionais são mais estáveis e mais importantes para milhões de pessoas que essa ideia liberal, que, na minha opinião, está deixando de existir.”

O líder russo também disse que tem a impressão de que círculos liberais estariam determinados a usar os problemas pelos quais a Igreja Católica está passando para destruir a igreja.

Compartilhe

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email