Português   English   Español

Quadrilhas usam comida para recrutar crianças na Venezuelana

Quadrilhas usam comida para recrutar crianças na Venezuelana

Os mecanismos de captação mudaram e as crianças, que antes eram seduzidas por artigos eletrônicos, agora procuram comida.

Crianças e jovens de famílias pobres da Venezuela estão sendo recrutados por grupos criminosos por meio de alimentos, no meio da grave crise de que atinge o país.

A informação foi publicada nesta sexta-feira (2) pelo diretor da ONG Observatório Venezuelano de Violência (OVV), Roberto Briceño León.

Em entrevista à rede de TV “Globovisión”, ele afirmou que as crianças passaram a comer menos em casa porque existe pouca comida para ser distribuída.

O diretor da ONG explicou:

Então vem um grupo e convida essa criança para visitar o esconderijo deles e comer um hambúrguer ou tomar um refrigerante. Assim começa a vida dentro da quadrilha.

De acordo com León, os mecanismos de captação mudaram e as crianças, que antes eram seduzidas por artigos eletrônicos, agora procuram comida.

Segundo ele, sem alimentos, as famílias passam por notáveis dificuldades e crianças indígenas do estado de Zulia, na fronteira com a Colômbia, por exemplo, entraram para o mundo do crime seduzidas por produtos desviados do programa do governo de alimentos a baixo custo, conhecido como CLAP.

“Agora, estão sendo usadas para o contrabando de gasolina e transporte de drogas”, afirmou.

 

Adaptado da fonte EXAME

Deixe seu comentário

Veja também...