Português   English   Español
Português   English   Español

Quais nações reconhecem Jerusalém como capital de Israel?

Quais nações reconhecem Jerusalém como capital de Israel?
Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia.

Brasil abrirá um escritório comercial em Jerusalém. A medida é mais um sinal do fortalecimento da relação entre os dois países sob o governo Bolsonaro.

A decisão do presidente Donald Trump, que transferiu a embaixada dos Estados Unidos para Jerusalém em maio de 2018, rompeu com o consenso internacional e encorajou outras nações a trilhar o mesmo caminho.

Após a decisão histórica de Trump, além do Brasil, outros cinco países adotaram uma postura pró-Israel em relação aos assuntos territoriais entre palestinos e judeus — um deles, no entanto, voltou atrás.

GUATEMALA

Atualmente, a Guatemala é o único país, além dos EUA, que tem sua embaixada de Israel em Jerusalém.

A mudança ocorreu dois dias depois que os americanos inauguraram sua embaixada na cidade sagrada, em 16 de maio de 2018.

PARAGUAI

O Paraguai foi o terceiro país a transferir o endereço de sua embaixada de Israel, mas a mudança não durou muito tempo.

A inauguração do novo local diplomático ocorreu em 21 de maio.

Três meses depois, entretanto, a decisão foi revertida pelo novo presidente do Paraguai, Mario Abdo Benítez, que assumiu o cargo em agosto de 2018.

HONDURAS

O presidente de Honduras, Juan Orlando Hernández, anunciou em março de 2019 que estava mudando imediatamente a embaixada em Israel para Jerusalém.

“Desde que assumi a presidência, recebemos a cooperação técnica de Israel em matéria de segurança, o que ajudou Honduras a salvar dezenas de milhares de vidas”, declarou o líder de Honduras.

HUNGRIA

A embaixada húngara em Israel continua em Tel-Aviv, mas o país do Leste Europeu abriu um escritório comercial em Jerusalém em março deste ano, em uma medida semelhante à adotada pelo Brasil.

A diferença é que, no caso da Hungria, tal escritório detém status diplomático.

REPÚBLICA CHECA

A República Checa adotou postura semelhante ao Brasil.

Em novembro de 2018, abriu a “Casa Checa” em Jerusalém, um “primeiro passo” para realocar a embaixada do país para a cidade sagrada.

O escritório comercial não possui status diplomático.

Compartilhe...

Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on telegram
Share on reddit
Share on linkedin
Share on email

Deixe seu comentário...

A RENOVA Mídia não se responsabiliza pelo conteúdo, opiniões e comentários dos visitantes do site. NÃO publique ofensas, discordar não é ofender. Caso encontre algum material com ofensas, denuncie. Lembre-se que ao comentar em nosso portal você concorda com estes Termos de Uso.

Veja também...

Curta a RENOVA!