Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Quase 200 são presos na Alemanha em protesto contra lockdown

Quase 200 são presos na Alemanha em protesto contra lockdown
COMPARTILHE

A pressão tem aumentado sobre as autoridades federais e estaduais alemãs.

A polícia da Alemanha prendeu 190 manifestantes, nesta quarta-feira (18), durante um protesto contra as medidas restritivas do governo da chanceler Angela Merkel para tentar conter a pandemia de coronavírus.

Em Berlim, a polícia usou spray de pimenta e canhões de água para interromper a manifestação perto do Portão de Brandemburgo. Nove policiais ficaram feridos nos atos.

Manifestantes se recusaram a respeitar as determinações de distanciamento. Parte deles atirou garrafas e outros objetos nos policiais.

As manifestações foram organizadas para se opor a uma lei que pode ampliar os poderes do governo de impor restrições.

Em entrevista, a porta-voz do governo, Ulrike Demmer, disse que, embora deva ser garantida a liberdade de se manifestar, o distanciamento social e outras regras para conter a disseminação do vírus também devem ser respeitadas.

Já o ministro alemão da Saúde, Jens Spahn, defendeu a estratégia de combate ao vírus, incluindo a nova legislação, solicitando aos cidadãos e aos políticos que trabalhem juntos para combater a pandemia.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Comentários_

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da RenovaMídia.

Ao comentar você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade.

Assinar
Notificar quando
guest
0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE