Português   English   Español

Raul Gil diz que discurso pró-Bolsonaro gerou mal-estar no Teleton

Apresentador diz ter sido expulso do Teleton ao defender o presidente eleito Jair Bolsonaro.

O apresentador Raul Gil deixou o freio de lado e falou mais do que deveria.

Abordado por fãs em uma churrascaria, sem saber que estava sendo gravado, ele comentou o incidente ocorrido no Teleton deste ano, em que foi interrompido pela garota Maísa Silva em meio a um caloroso discurso pró-Bolsonaro.

Raul Gil declarou:

Me expulsaram, mas o tiro saiu pela culatra. […] Aquele Teleton é tudo paradão, engessado… O que acontece é que me chamam pra ficar lendo. Chamam o Carlos Alberto [de Nóbrega] e botam pra ler… Chamam a Maísa e botam pra ler aquela porra. […] Eu gravo sete, oito horas de programa e não leio porra nenhuma, vem tudo da minha cabeça. E faço isso há 50 anos. […] Eu falei no ar que os ladrões estavam presos, aqueles que levavam dinheiro das crianças… Disse que tínhamos que ajudar o novo presidente porque não adianta, ele já ganhou. E falei que estávamos esperando a doação dele [Bolsonaro]. Os caras lá em cima ficaram putos.

Ao falar sobre o telefone do presidente eleito Jair Bolsonaro para o dono do SBT, Sílvio Santos, durante o programa, Rau Gil continuou seu desabafo:

O Silvio [Santos] abriu o programa da noite com quem? Com o Bolsonaro por telefone. Com o Bolsonaro! Eu olhei e falei: ‘Se foderam’.

E completou:

Eles me expulsaram do programa sem imaginar que o Silvio abriria meia hora do programa pro presidente falar, com uma foto gigante dele atrás… E ainda falou: ‘O presidente ligou pra mim’. Não! Eles ligaram pro presidente, não foi ele que ligou coisa nenhuma. Eu falei com ele essa semana, eles combinaram.

 

Adaptado da fonte R7

Deixe seu comentário...

Veja também...

Newsletter Renova!

Preencha o formulário para assinar nossa newsletter.

Nome Email
newsletter