PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Receita diz que compra de respiradores pelo governo do Maranhão foi ilegal

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Operação Maranhão-Etiópia para compra e transporte de respiradores foi ilegal e envolvidos serão processados, diz Receita Federal.

Flávio Dino, governador do Maranhão, realizou uma complicada operação para trazer 107 respiradores da China ao Brasil.

A Receita Federal afirma que a operação feita pelo governo maranhense foi ilegal, e por isso tomará as medidas legais cabíveis contra as pessoas envolvidas.

A operação envolveu o envio dos respiradores para a Etiópia, para escapar dos radares dos Estados Unidos e Europa, e o fretamento de um avião de Guarulhos para São Luís

Em nota à imprensa, a Receita afirma que a remoção dos respiradores foi “realizada sem o prévio licenciamento da Anvisa e sem autorização da Inspetoria Receita Federal em São Luís, órgão legalmente responsável por fiscalizar a importação das mercadorias”.

Por isso, ainda de acordo com a nota, a Infraero registrou boletim de ocorrência na quarta-feira (15), informa o jornal Folha de S.Paulo.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Encontrou um erro?

Para comunicar um erro de português, de informação ou técnico, preencha o formulário abaixo.