Português   English   Español
Português   English   Español

Refugiado afegão preso na Alemanha por matar jovem de 15 anos

Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia.

Refugiado do Afeganistão foi sentenciado a oito anos e seis meses de prisão por esfaquear até a morte ex-namorada, de 15 anos. Crime desencadeou protestos contra imigração em massa e críticas a política migratória da chanceler Angela Merkel.

Um tribunal da Alemanha condenou nesta segunda-feira (03) o requerente de refúgio Abdul D., supostamente de origem afegã, a oito anos e seis meses de prisão pelo assassinato de sua ex-namorada, uma adolescente de 15 anos.

O crime, ocorrido na cidade de Kandel, no sudoeste do País, causou comoção na nação e foi usado por muitos críticos da política de refugiados da chanceler federal Angela Merkel para corroborar suas posições anti-imigração em massa.

A jovem Mia V., de 15 anos, foi esfaqueada até a morte pelo ex-namorado Abdul D. em 27 de dezembro do ano passado. Numa drogaria, a adolescente foi atingida sete vezes com uma faca de cozinha.

De acordo com promotores, Mia V. e Abdul D. namoraram por vários meses até que a jovem encerrou a relação, no início de dezembro. Após o rompimento, tanto a adolescente quanto seus pais denunciaram ameaças e abusos cometidos por Abdul D. à polícia. Promotores acreditam que ele tenha agido por ciúme e para vingar o término do namoro.

 

Adaptado da fonte DW

Compartilhe...

Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on telegram
Share on reddit
Share on linkedin
Share on email

Deixe seu comentário...

A RENOVA Mídia não se responsabiliza pelo conteúdo, opiniões e comentários dos visitantes do site. NÃO publique ofensas, discordar não é ofender. Caso encontre algum material com ofensas, denuncie. Lembre-se que ao comentar em nosso portal você concorda com estes Termos de Uso.

Veja também...