- PUBLICIDADE -

Reino Unido inclui dexametasona no tratamento do coronavírus

Reino Unido inclui dexametasona no tratamento do coronavírus

- PUBLICIDADE -

“Ela é fácil de ser fabricada, barata, pode ser produzida rapidamente e precisa apenas de uma pequena dose”, diz pesquisador britânico.

O governo do Reino Unido começará a administrar imediatamente dexametasona aos pacientes infectados com o novo coronavírus

O anúncio foi feito nesta terça-feira (16) pelo ministro da Saúde, Matt Hancock, após um estudo demonstrar que o corticoide salvou as vidas de um terço dos casos mais graves.

Em conversa¹ com a imprensa, Hancock declarou:

“Estamos trabalhando com o Serviço Nacional de Saúde para que o tratamento padrão contra a COVID-19 inclua a dexametasona a partir desta tarde.”

Nick Cammack, um dos responsáveis por projeto de caridade que banca pesquisas científicas, afirmou que a droga só ajuda em casos severos, mas destacou² que “inúmeras vidas podem ser salvas pelo mundo”:

“Dexametasona agora precisa ser liberada e acessada pelas milhares de pessoas doentes pelo mundo. Ela é fácil de ser fabricada, barata, pode ser produzida rapidamente e precisa apenas de uma pequena dose.”

Referências: [1][2]

PUBLICIDADE

- PUBLICIDADE -

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -