Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
- PUBLICIDADE -

Relatório aponta erros em inquérito do FBI contra campanha Trump

Tarciso Morais

Tarciso Morais

Relatório aponta erros em inquérito do FBI contra campanha Trump
COMPARTILHE

A espionagem do FBI de Obama contra a campanha de Trump teve início no verão de 2016 nos EUA.

A área de fiscalização interna do Departamento de Justiça dos Estados Unidos disse ter encontrado vários erros no início da investigação sobre o falso conluio entre a campanha de Donald Trump e a Rússia em 2016.

O inspetor-geral Michael Horowitz descobriu um total de 17 erros e omissões “básicos e fundamentais” no pedido de aprovação do FBI a um tribunal para começar a vigiar Carter Page, conselheiro de campanha republicana.

Os erros cometidos pela Polícia Federal dos EUA durante a gestão de Barack Obama fizeram o caso parecer mais consistente do que era, disse Horowitz em um relatório divulgado nesta segunda-feira (9).

O relatório ressaltou em particular um advogado do FBI que alterou um email contido em uma renovação da autorização para espionar a campanha de Trump que afirmava que Page “não era uma fonte” de outra agência governamental dos EUA.

Na verdade, Page atuou como um “contato operacional” de outra agência não identificada, que não foi mencionada no relatório, informa a agência Reuters.

A investigação do FBI, iniciada no verão local de 2016, meses antes da vitória histórica de Trump contra a democrata Hillary Clinton, proporcionou munição constante para os ataques dos principais veículos de imprensa do mundo contra o governo Trump durante os dois primeiros anos de mandato.

- PUBLICIDADE -
Error: Embedded data could not be displayed.
TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
VEJA TAMBÉM
Error: Embedded data could not be displayed.