Português   English   Español

Relembre a rede de perfis fakes de Dilma Rousseff em 2010

Relembre a rede de perfis fakes de Dilma Rousseff em 2010

A BBC Brasil publicou em março deste ano uma reportagem sobre a rede de perfis fakes que atuou a favor da ex-presidente Dilma Rousseff (PT) durante as eleições em 2010.

Na matéria intitulada ” Investigação revela como blog defendia Dilma com rede de fakes em 2010″, a repórter Juliana Gragnani conta que o “companheiro Armando”, do blog Seja Dita Verdade, nunca existiu.

Na verdade, “seu blog e seus perfis no Orkut e no Twitter eram administrados por quatro pessoas que teriam recebido, para tanto, de R$ 3,5 mil a R$ 4 mil mensais entre maio e outubro de 2010”.

A BBC conversou, sob anonimato, com pessoas recrutadas sem contrato formal por uma empresa de marketing político de São Paulo.

“Seu trabalho, segundo relatam, era alimentar o blog com postagens desmentindo supostos boatos sobre Dilma Rousseff e publicar textos parciais e contrários a seu principal adversário, José Serra (PSDB), que acabou derrotado no segundo turno”, diz o texto.

“A página também chegou a ter notícias falsas”, prossegue a matéria da repórter. “E, para disseminar seu conteúdo, o trabalho acabou envolvendo a criação de perfis falsos –ao menos 131 deles no Twitter.”

 

Adaptado da fonte O Antagonista

Deixe seu comentário

Veja também...