Português   English   Español

República Checa culpa muçulmanos por violência na Europa

Em entrevista à estação de televisão na capital Praga, o presidente checo, Milos Zeman, alertou sobre os perigos da imigração e do islamismo.

O presidente da República Checa disse que a migração em massa de países da África e do Oriente Médio representa uma séria ameaça para a cultura européia. Ele quer que a União Europeia tome medidas imediatamente:

Se a União Europeia não tiver coragem para fortalecer suas fronteiras externas,  teremos milhões de refugiados no decorrer dos anos. A cultura desses refugiados não é compatível com a cultura europeia, os próprios imigrantes sabem disso.

De acordo Zeman, o aumento no número de muçulmanos vivendo em países europeus levou a “uma significativa elevação da criminalidade e no aumento do nível de violência nas comunidades”.

 

Com informações de: (1)

Deixe seu comentário...

Veja também...

Newsletter Renova!

Preencha o formulário para assinar nossa newsletter.

Nome Email
newsletter