PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Republicanos revoltados com presença de oficiais anti-Trump na investigação sobre influência da Rússia

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Apesar do seu time legal estar cooperando com o procurador-especial Robert Mueller, Trump sempre falou que a investigação é a maior “caça às bruxas política” da história do país. Agora, vários republicanos começam a concordar com esta afirmação.

As últimas informações envolvendo alguns membros da investigação sobre influência da Rússia na campanha presidencial de Trump deixaram vários republicanos com a cabeça quente.

Dias atrás, ficamos sabendo que o agente Peter Strozk do FBI foi demitido após vazamento de várias mensagens com alto teor anti-Trump e pró-Hillay.

Curiosamente, Peter foi um dos oficiais que entrevistaram o ex-chefe da Segurança Nacional, Michael Flynn. Ele também participou ativamente das investigações do FBI sobre o caso dos emails de Hillary Clinton, que surpreendentemente terminou sem nenhuma acusação.

Ontem (09), foi a vez de conhecermos a notícia sobre Bruce G. Ohr. Membro do alto escalão do Departamento de Justiça conectado com os autores do dossiê falso financiado pelo partido democrata para conectar Trump à Rússia.

Estas informações serviram como munições para os republicanos críticos da atuação de Robert Mueller e dos caminhos percorridos por sua investigação.

O congressista republicano Steve Chabot, do Ohio, disse que a “profundidade desse viés anti-Trump” na equipe de Mueller era “absolutamente chocante”.

Gregg Jarrett, analista jurídico da Fox News, descarregou duras críticas em uma entrevista e classificou a investigação como “ilegítima e corrupta”.

 

Com informações de: (1)
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Encontrou um erro?

Para comunicar um erro de português, de informação ou técnico, preencha o formulário abaixo.