Português  English  Español  Italiano  Français  Deutsch
Português  English  Español  Italiano  Français  Deutsch

Retaliação do Irã seria uma ‘operação suicida’, diz Bolsonaro

Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia
Retaliação do Irã seria uma ‘operação suicida’, diz Bolsonaro
Imagem: Reprodução/Band

“Seria uma relação de perde-perde”, diz Bolsonaro sobre possível conflito entre EUA e Irã.

O presidente da República, Jair Bolsonaro, alertou, nesta sexta-feira (3), que um possível conflito entre Estados Unidos e Irã poderia representar “o fim da humanidade”. 

Em entrevista ao programa “Brasil Urgente”, do jornalista José Luiz Datena, questionado sobre a possibilidade de a neutralização do general iraniano Qassem Soleimani gerar um desdobramento militar maior, Bolsonaro afirmou que “é muito difícil falar que possa haver conflito maior entre esses países”. 

Na avaliação do chefe do Executivo, “ninguém ganharia com isso, seria uma relação de perde-perde”. 

Bolsonaro também afirmou que uma retaliação do regime islâmico em Teerã seria uma “operação suicida”, mas ressaltou que “quem quer paz precisa se preparar para a guerra”.

Na avaliação de Bolsonaro, segundo a revista Veja, o presidente norte-americano Donald Trump não comandou o ataque aéreo com intenções eleitorais.

“Trump não está fazendo campanha política em cima disso, não. No passado, quando Bin Laden deixou de existir, também aventou isso daí no governo Obama, mas não há campanha”, completou.

Compartilhe

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email