Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Réus da Lava Jato no Rio vão à Justiça após decisão de Toffoli

Réus da Lava Jato no Rio vão à Justiça após decisão de Toffoli
COMPARTILHE

Réus da Lava Jato no RJ vão à Justiça após decisão de Toffoli sobre COAF; um pede para ser solto e outro, que ação seja suspensa.

Os advogados de defesa de pelo menos três réus da Lava Jato no Rio de Janeiro encaminharam diferentes pedidos à Justiça Federal tendo com base na decisão do presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Dias Toffoli, no último dia 16 de junho.

Toffoli suspendeu temporariamente todas as investigações em curso no país que tenham como base dados sigilosos compartilhados pelo Conselho de Controle de Atividades Financeiras (COAF) e pela Receita Federal.

A defesa de Leonardo Mendonça Andrade — assessor parlamentar acusado de ser operador financeiro do deputado eleito Marcos Abrahão — solicitou na quinta-feira (18) uma reanálise dos autos do processo pelo Ministério Público Federal (MPF).

Na petição, os advogados sustentam que a ação penal está “em desacordo com aquela decisão [de Toffoli]”.

A defesa de outro réu da “Furna da Onça”, Daniel Marcos Barbiratto de Almeida – enteado e considerado operador financeiro do deputado Luiz Martins – também citando a decisão de Toffoli solicitou à Justiça a revogação da prisão preventiva do cliente.

Em mais um caso, a defesa de Delisa de Sá Herdem Lima — denunciada pelo MPF em outro desdobramento da Lava Jato — pede à Justiça a suspensão da ação penal contra a cliente até que o Supremo julgue o caso referente ao uso de dados do COAF e Receita Federal.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Comentários_

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da RenovaMídia.

Ao comentar você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade.

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE