Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
- PUBLICIDADE -

Ricardo Coutinho no banco dos réus por receber propina de R$ 900 mil

Tarciso Morais

Tarciso Morais

MP denuncia Ricardo Coutinho na Operação Calvário
Imagem: Reprodução/Twitter
COMPARTILHE

A magistrada abriu prazo de dez dias para o ex-governador da PB se manifestar no caso.

Ricardo Coutinho (PSB), ex-governador da Paraíba, se tornou réu na operação “Calvário” por solicitar e receber propina de R$ 900 mil do empresário Daniel Gomes da Silva, ligado à Cruz Vermelha Brasileira.

A ONG administrava o Hospital de Emergência e Trauma Humberto Lucena, em João Pessoa, destaca o portal UOL.

O dinheiro teria sido entregue dentro de uma caixa de vinho a um ex-assessor de Coutinho em hotel no Rio de Janeiro, em 2018.

O episódio levou à denúncia contra o ex-assessor Leandro Azevedo e a ex-procuradora-geral da Paraíba, Livânia Freitas, em março do ano passado. Ambos se tornaram colaboradores da Calvário.

Coutinho é investigado pelo Ministério Público da Paraíba por desvios de R$ 134 milhões na área da saúde durante o seu mandato (2011-2018). 

- PUBLICIDADE -
Error: Embedded data could not be displayed.
TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
VEJA TAMBÉM
Error: Embedded data could not be displayed.