Português   English   Español

Ricardo Lewandowski quer liberar entrevista do presidiário Lula

No que depender do ministro Ricardo Lewandowski, do STF, o presidiário Lula já pode dar entrevistas à imprensa.

O ministro do Supremo Tribunal Federal, Ricardo Lewandowski, assinou despacho nessa segunda-feira (3) afirmando que a proibição para Lula dar entrevistas não tem mais validade, e por isso o político estaria livre para falar com jornalistas.

O ministro encaminhou ao presidente do STF, Dias Toffoli, duas petições para que o Supremo abra caminho para a realização de entrevistas, registra o Estado de Minas.

Em uma delas, segundo O Antagonista, Lewandowski escreveu:

Não há mais o suposto risco de interferência no pleito, pelo que cumpre restaurar, sem mais delongas, a ordem constitucional e o regime democrático que prestigia a liberdade de expressão e de imprensa.

A decisão de autorizar a entrevista agora cabe a Dias Toffoli, que poderá ou não derrubar a decisão tomada por Luiz Fux durante o período eleitoral.

Nesta segunda-feira (3), o ministro Gilmar Mendes, também do STF, rejeitou um pedido feito pela revista “Veja“ para entrevistar Adélio Bispo dos Santos, que esfaqueou o presidente eleito Jair Bolsonaro, conforme noticiou a Renova.

Deixe seu comentário...

Veja também...

Newsletter Renova!

Preencha o formulário para assinar nossa newsletter.

Nome Email
newsletter