- PUBLICIDADE -

Rodrigo Maia descarta prorrogar estado de calamidade

Rodrigo Maia diz não ter pressa para instalar CPI da Lava Jato

“Câmara não irá, em nenhuma hipótese, prorrogar o estado de calamidade”, diz Maia.

- PUBLICIDADE -

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM), afirmou, neste sábado (17), que a Casa não aprovará uma eventual proposta de prorrogação do estado de calamidade pública em meio à pandemia de coronavírus.

O reconhecimento do estado de calamidade pública no Brasil está previsto para vigorar até 31 de dezembro. 

Um dos principais aspectos do decreto é autorizar o governo federal a gastar além da meta fiscal prevista para este ano.

Em mensagem no Twitter, Maia escreveu:

“Hoje, conversando com investidores, deixei bem claro que a Câmara não irá, em nenhuma hipótese, prorrogar o estado de calamidade para o ano que vem.”

E acrescentou:

“Soluções serão encontradas dentro deste orçamento, com a regulamentação do teto de gastos.”

PUBLICIDADE

- PUBLICIDADE -

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -